Depois da Tempestade

Se Tokyo Story (Era Uma Vez Em Tóquio), clássico de Yasujirô Ozu, sabia contar uma história tipicamente japonesa que se tornou universal com o passar do tempo, Kooeda agora narra uma história que reflete a situação atual do Japão baseado em uma família e que percorre diferentes temas de sua cultura, seja o declínio econômico, o envelhecimento da população ou até o papel cada vez mais independente da mulher. Talvez esse último seja o resumo de todo o filme.

Trazendo como o pilar da família a figura da avó, com a morte do seu marido vamos aos poucos nos aproximando dos outros membros da família, que representam três gerações: seu filho, sua ex-nora e seu neto. A câmera de Hirokazu Koreeda permanece parada todo momento, observando com uma profundidade de campo reduzidíssima, a exemplo da já citada Tokyo Story. Isso faz com que a casa da avó pareça menor do que realmente é, além de tentar reunir todos, apesar de estarem muitas vezes a metros de distância uns dos outros.

Porém, não se engane sobre a câmera parada. Há uma edição cuidadosa que traz um dinamismo encantador em um filme onde basicamente há muitos diálogos. A história gira em torno de Shinoda, que é divorciado e possui problemas financeiros e de ego. Shinoda não consegue aceitar a separação, e sua autoestima parece depender de como ele constrói sua persona para seu filho, ex-mulher e sua mãe. Seu maior ressentimento é com relação ao pai, alguém que parece lembrar muito a ele próprio e que sua mãe, viúva há poucos dias, rápida e facilmente se desligou, jogando fora tudo que lhe pertencia.

Shinoda foi um sucesso ao ganhar um prêmio literário em seu primeiro livro, que vende na Amazon. Mas isso já faz 15 anos. Agora ele luta contra o próprio instinto de sobrevivência, parecendo tomar propositalmente caminhos que o levam a autodestruição, como apostar em jogos de azar e usar o emprego temporário de detetive particular para bisbilhotar a vida da ex-família.

A construção ética do longa é invejável, pois usa apenas as ações de Shinoda para concluirmos que se trata de um perdedor nato em meio a uma sociedade onde as mulheres, embora antes submissas, hoje ditam o jogo. E isso apesar, além da ex, sua irmã mais velha, também coloca a própria avó como uma idosa independente e que possui uma engenhosidade com as palavras dignas da sabedoria japonesa.

Tokyo Story foi um clássico que construiu seu espaço no decorrer de décadas, trazendo uma história local que se tornou universal. Resta agora ao tempo definir se Depois da Tempestade consegue ser profético no sentido de mostrar como as mudanças do mundo ocorrem localmente, mas aos poucos viram realidade para toda a humanidade.

★★★★☆ Wanderley Caloni, 2016-10-20 imdb