Kung Pow - O Mestre da Kung-Fu-São

Como todo fã de Tela Class, a redublagem de filmes de artes marciais da década de 70 pelos comediantes Hermes e Renato, seria de se esperar que a expectativa em torno de Kong Pow, um filme completamente redublado e com novos atores “anexados” à construção da cena original, fosse alta pelo desafio que este representa. No entanto, a expectativa se torna frustração na maioria do tempo, pois parece que o real objetivo de Steve Oedekerk (Ace Ventura 2 - Um Maluco na África) é menos homenagear essas obras esquecidas em cineclubes empoeirados e na programação da TV Aberta (estou olhando para você, Band) e mais realizar uma espécie de paródia que ataca a obra original de uma maneira não muito… polida.

Dessa forma, a história da lenda dO Escolhido (Oedekerk) e a organização do mal cujo seu vilão faz parte, Meste Con Dor (Fei Lung), é um pretexto vazio e sem qualquer intenção de se tornar uma história minimamente desenvolvida para fazer chacota das falhas de gravação (“eu sou mágico, seu casado agora é vermelho!”) e recriar o universo para inserir piadas “novas” que na maioria das vezes podem ser classificadas como engraçadinhas.

Tentando criar um primeiro filme seguido por uma franquia, ainda apresenta personagens secundários que supostamente seriam importantes nas suas continuações, Kung Pow só não decepciona completamente porque observar o processo de recriação de um novo filme em cima das cinzas do original é fascinante por si só, além dele realmente conter sequências hilárias, como a troca de cores do casado já citada, ou as brincadeiras em torno da lógica das lutas, ou até brincadeiras com o próprio gênero, como as mortes que não acontecem.

Já havia assistido alguns anos atrás – talvez muitos – e não me havia incomodado os efeitos digitais passados. Hoje eles incomodam bem mais, e devem incomodar mais ainda daqui a dez anos. É um experimento temporal, com data de expiração. Poderia ser feito mais vezes, pois tem o potencial. Se o Tela Class é um trabalho fenomenal de humor, por que não um longa metragem inteiro?

★★☆☆☆ Wanderley Caloni, 2015-08-23. Kung Pow - O Mestre da Kung-Fu-São. Kung Pow: Enter the Fist (USA, 2002). Dirigido por Steve Oedekerk. Escrito por Steve Oedekerk. Com Steve Oedekerk, Fei Lung, Leo Lee, Ling-Ling Hsieh, Lin Yan, Chia Yung Liu, Hui Lou Chen, Chi Ma, Jennifer Tung. imdb