O Mundo Fora do Lugar
Wanderley Caloni, 2017-03-28

Este é um filme alemão no sentido “sentimentos não serão mostrados” da palavra. O único mais afetado, Matthias Habich, que faz o pai da protagonista, tem seus motivos para estar assim. Mas também teriam sua filha, Sophie (Katja Riemann) e a sócia de sua falecida esposa, a cantora lírica Caterina Fabiani (Barbara Sukowa). Ele convence sua filha a viajar para outro continente para se encontrar com a cantora superfamosa para… bom, para o que será? “Olá, sabia que você é muito parecida com minha falecida mãe?” A diretora/roteirista Margarethe von Trotta transforma tudo isso em um drama pesado, escuro, mas que nunca deixa de usar a leveza como sua melhor arma e sua maior falha, pois deixa tudo passar como um mero episódio de uma novela, evitando tentar construir algo menos sutil do que a forma com que os homens bebem vinho nesse filme. E, francamente, sentimentos não serão mostrados, mas e o Cinema?

Crítica completa na estreia do filme no CinemAqui.

★★★☆☆ Die abhandene Welt. Germany. 2015. Direção: Margarethe von Trotta. Roteiro: Margarethe von Trotta. Elenco: Katja Riemann (Sophie), Barbara Sukowa (Caterina Fabiani / Evelyn Kromberger), Matthias Habich (Paul Kromberger), Robert Seeliger (Philip), Gunnar Möller (Ralf Kromberger), Karin Dor (Rosa), August Zirner (Georg), Tom Beck (Florian), Arne Jansen (Piet). Edição: Bettina Böhler. Fotografia: Axel Block. Trilha Sonora: Sven Rossenbach, Florian van Volxem. Duração: 101. Drama. Estreia no Brasil: 30 March 2017. #cabine