Os 10 melhores filmes dos anos 90... 1890!

2016/09/11

Esta é uma ótima seleção feita pelo saite A.V. Club, que contém para variar vários trabalhos do genial Georges Méliès, além também dos trabalhos mais técnicos de Thomas Edison. É preciso lembrar que a sétima arte estava apenas engatinhando.

1 “Workers Leaving The Lumière Factory In Lyon” (1895)

Um primeiro exemplo do cotidiano, que não quer dizer nada em particular, mas que já documenta uma rotina da época, e hoje é um dos melhores exemplos dos curtas iniciais do cinema.

2 “The Dickson Experimental Sound Film” (1894)

Um teste de sincronização entre áudio e víduo já pode ser observado nesse conjunto de três tomadas de testes nos laboratórios Edison.

3 “The Haunted Castle” (1896)

Várias trucagens dentro de um cenário de castelo idealizados por Georges Méliès, tudo na edição de corte, além de uso de fumaças, sobrescrita de película, etc.

4 “Arrival Of A Train At La Ciotat Station” (1896)

Esse é o clássico, conhecido pelo primeiro filme exibido em público e com a lenda de que os espectadores saíram correndo ou abaixavam as cabeças quando o trem chegava à estação. Na verdade, parece que os irmãos Lumière já estavam testando o mesmo filme em uma versão 3D, mas que foi colocada em exibição pouquíssimas vezes e muito tempo depois, no ano seguinte. Mesmo assim, podemos dizer que Cinema e 3D nasceram praticamente juntos.

5 “The Four Troublesome Heads” (1898)

Mais trucagens de Méliès, dessa vez em um filmeco de menos de um minuto. Mas ainda é fascinante de se ver. Um dos melhores exemplos daquela época de como se pode fazer muito com “pouco”.

6 “Cinderella” (1899)

Um curta de Méliès que resume toda a história de Cinderela. Tem como figura impressionante o velho do tempo, que surge no castelo. Já possui a noção de mudança de espaço, pois os cortes denotam lugares diferentes onde se passa a história. No final tem uma dança bem divertida, um espetáculo de alguns minutos para a época.

7 “The Kiss” (1896)

O primeiro filme polêmico foi feito em terras americanas. Um beijo de um casal foi acusado de pornográfico, mereceu críticas do Vaticano e hoje seria o equivalente a… sei lá. Dezenas de atores em uma suruba em um filme da Disney?

8 “La Fée Aux Choux” (1896)

Esse filme é bizarro. É sobre uma suporta fada, mulher doce, sei lá, que vai arrancando bebês de um jardim (bebês reais) e jogando no caminho. Hoje seria considerado um terror e tanto.

9 “The Execution Of Mary, Queen Of Scots” (1895)

Mais um gore para a plateia. Para os que reclamam que hoje em dia há muito apelo à violência gráfica, esse filme é apenas isso: a decapitação de uma mulher (a tal Rainha de Scots). O corte até que foi bem feito. Deve ter impressionado à beça.

10 “The X-Ray Fiend” (1897)

Na época o Raio-X havia sido descoberto e a criatividade já começava a aflorar. Esse filmeco é bem divertido pela sua inocência, e demonstra como havia curiosidade a respeito das inovações tecnológicas e científicas. Aliás, a Scientific American aquele ano lançou um artigo explicando como fazer Raio-X em sua própria casa!

Fonte: A.V. Club - The 10 best films of the 1890s

Category: blog Tags: curtas youtube

Share on: Facebook | Twitter | Google