Perfume A História de um Assassino

Wanderley Caloni, January 31, 2011

Jean-Baptiste Grenouille é um personagem atípico. Abandonado pela mãe logo após o parto, sua maior (única?) destreza são suas capacidades olfativas: capaz de sentir o cheiro até mesmo de elementos normalmente inodoros como vidro e cobre, e isso nos submete imediatamente ao conceito de fábula, ele segue seu destino tendo como única obsessão na vida criar o perfume perfeito.

Sua trajetória, porém, carrega uma nuvem tenebrosa que paira sobre quem quer que atravesse o seu caminho. Para as pessoas e para o espectador, ele aparece sempre pelos cantos e na penumbra, sorrateiramente, exatamente como os odores que persegue. A fotografia, de pouco contrastre, facilita sua “identificação” nos cenários esquivos construídos para suas principais aparições.

Dotado de pouca sorte, mas ao mesmo tempo de uma persistência inabalável em se manter vivo, Jean-Baptiste não chega a ser um heroi, nem um anti-heroi. Entretanto, se não torcemos por ele, pelo menos, assistindo a seus inescrupulosos atos, encontramos em sua história os motivos que o fazem agir, o que são por si só suficientes para estabelecer uma conexão com o personagem.

Apenas essa “empatia” já seria um feito notável. Entretanto, em seu final catártico, chegamos a visualizar uma nova dimensão criada, aumentando como em uma lupa o significado daquela sociedade histérica e moralmente reprimida. A sensação que fica é que ele é a cura nascida a partir da própria necessidade de se libertar.

Com uma narrativa surreal do começo ao fim, mas que se sustenta em sua coesão interna, ainda que aparentemente a história não chegue a uma conclusão palpável (mas é isso mesmo o que a torna mais notável ainda), percebemos Jean-Baptiste não só como cura daquela sociedade, mas como seu sintoma, e nada mais lógico que o filme volte por onde começou, escancarando a personificação de uma lenda que se foi, mas que uma vez existiu na imaginação das pessoas de uma sinistra época.

Imagens e créditos no IMDB.
Perfume A História de um Assassino ● Perfume A História de um Assassino. Perfume: The Story of a Murderer (Germany, 2006). Dirigido por Tom Tykwer. Escrito por Andrew Birkin, Bernd Eichinger, Tom Tykwer, Patrick Süskind. Com Ben Whishaw, Francesc Albiol, Gonzalo Cunill, Roger Salvany, Andrés Herrera, Simon Chandler, David Calder, Richard Felix, Birgit Minichmayr. ● Nota: 5/5. Categoria: movies. Publicado em 2011-01-31. Texto escrito por Wanderley Caloni.


Quer comentar?