Shazam!

Wanderley Caloni, April 12, 2019

O novo filme da DC, Shazam, tenta convencer seu público que moleques órfãos de 15 anos podem vencer um vilão adulto que quer o poder mágico mais que tudo na vida. A história começa com a origem desse vilão, que é a mesma do herói, em uma economia narrativa bem-vinda, pois já se vão dezenas de filmes de origens, todos muito parecidos e esquecíveis (dica: assista apenas o do Homem Aranha e seja feliz). Shazam tem o espírito da inovação, um super-herói mirim, no corpo do convencional, na pele do ator que faz a série Chuck, Zachary Levi, que funciona como comédia, mas não exatamente como um garoto de 14 pra 15 anos.

Essa é uma mistura simpática entre elementos que referenciam, homenageiam e satirizam trabalhos anteriores (não necessariamente os mais recentes da produtora Warner) como Superman, e que escrito por uma trupe de roteiristas segue a mesma cartilha de super-produções que não podem arriscar demais. Na produção ele finge ser uma versão politicamente correta de Deadpool. Isso apenas no teor. Na fantasia ele sonha em ser o novo Homem-Aranha live action da DC, mas carece de polimento.

Dito isto, assiti-lo é uma experiência simpática, mas nunca empolgante. Sabemos de tudo do começo ao fim. Magia, amargura, vilão, emergência, magia de novo, piadas e resolução com uma lição de moral sobre família. De uma maneira torta Esquadrão Suicida usou a mesma fórmula. Toda a leva de filmes medíocres de super-heróis utilizam os mesmos elementos de maneira preguiçosa para carregar junto as melhorias significativas de direção de arte, figurino e efeitos visuais. Isso, sim, é impressionante.

Mas não espere uma grande história. Eu sei que duas décadas depois de começarmos a assistir pessoas fantasiadas voando é fácil pedir isso. Há muitos milhões investidos para alguém tentar inovar alguma coisa. Eu nem sei por que vou ao cinema para essa experiência. Saudosismo do Homem Aranha, talvez. Ou porque a pipoca costuma compensar. Mas ela anda tão cara…

Imagens e créditos no IMDB.
Shazam! ● Shazam! EUA, 2019. Dirigido por David F. Sandberg, escrito por uma galera, com Zachary Levi, Mark Strong, Asher Angel e uma pivetada. ● Nota: 3/5. Categoria: movies. Publicado em 2019-04-12. Texto escrito por Wanderley Caloni.


Quer comentar?