Sherlock - Quarta Temporada, Episódio 3: The Final Problem
Wanderley Caloni, 2017-04-16

Constituindo o episódio mais fraco da temporada, este é apenas um joguinho que tenta apresentar uma nova personagem de maneira impactante e exagerada, mas que no máximo o que consegue é colocar o brilhante detetive e seu fiel escudeiro em um jogo de videogame de luxo, onde vidas serão tiradas, mas nem isso incomoda mais os fãs do psicopata que está do lado da lei.

Essa personagem, para os que ainda não assistiram, tem um toque especial relacionado à sua ligação com o detetive, mas isso não chega a ser explorado o suficiente na história, e nem faz muita diferença na trama. Além disso, os quebra-cabeças ou desafios impostos por ela são bobos e despretensiosos, o que é desanimador vindo de uma suposta mente brilhante (ainda que a serviço do mal).

O resultado é um episódio glorificado, que, assim como o primeiro, tenta pavimentar o caminhos que irá colocar novamente Sherlock Holmes e Watson em um pedestal. Um pedestal moderno, com conexão à internet, mas, ainda assim, um pedestal. Imortalizado, e talvez finalizado. Seria esse o fim da série?

★★★☆☆ The Final Problem. 2017. Direção: Benjamin Caron. Roteiro: Mark Gatiss, Steven Moffat, Arthur Conan Doyle. Elenco: Benedict Cumberbatch (Sherlock Holmes), Martin Freeman (Dr. John Watson), Mark Gatiss (Mycroft Holmes), Una Stubbs (Mrs. Hudson), Rupert Graves (DI Lestrade), Louise Brealey (Molly Hooper), Amanda Abbington (Mary Watson), Andrew Scott (Jim Moriarty), Sian Brooke (Eurus Holmes). Edição: Yan Miles. Fotografia: David Luther. Trilha Sonora: David Arnold, Michael Price. Duração: 88. Crime. #netflix