Top 2018

| Wanderley Caloni

December 31, 2018

Como usar esta lista: Antes de enumerar os 9 (nove) filmes que, acredito, mereçam constar em uma lista de consideração pelo Cinema, explico que listas nunca são exaustivas, nunca são permanentes e nunca são objetivas, mas subjetivas, dependendo do tempo-espaço e da pessoa que a compila. Essa que segue tenta fugir um pouco do lugar-comum, mas que irá falhar miseravelmente porque cinéfilos e críticos costumam enxergar a beleza no mesmo lugar. Porém, eu não assisti a todas as belezas cinematográficas que estrearam no Brasil esse ano, o que me dá um pouco de ponto-fora-da-curvisse salutar.

  1. Arábia. O épico do trabalhador comum se ele conseguisse colocar tudo que sente e percebe no papel como Karl Marx.

  2. Ciganos da Ciambra. Um experimento que arrisca utilizar toda uma família real de ciganos na periferia da Itália.

  3. Você Nunca Esteve Realmente Aqui. A crítica para sobrevivermos como sociedade hoje em dia: ninguém realmente liga para o problema dos outros.

  4. A Rota Selvagem. A descoberta de um jovem pela vida adulta até as últimas consequências.

  5. Djon Africa. A pegada naturalista, quase um documentário, que dá autenticidade à ficção.

  6. O Animal Cordial. Um terror psicológico feito em terra brasilis do começo ao fim.

  7. A Garota na Névoa. Um policial que discute sobre policiais, envolvendo uma trama que entretém ao mesmo tempo que nos faz pensar sobre a linguagem.

  8. Os Fantasmas de Ismael. Quando o processo criativo foge do controle de maneira insustentável, ainda que ecoe eventualmente em nossas memórias.

  9. Vingadores: Guerra Infinita. Unir diferentes narrativas em um filme único é inédito até o momento; e vai continuar assim, trouxas.

Top 2018.