Um Final de Semana em Hyde Park

2014/02/08

Apesar de ótimas atuações — especialmente Bill Murray como o rouco presidente Franklin D. Roosevelt e Samuel West como o gago Rei da Inglaterra — e de uma fotografia, direção de arte e figurino extremamente afiados com a época (EUA pós-depressão), há algo presente por toda a narrativa de Roger Michell (Um Lugar Chamado Notting Hill, Fora de Controle) que desagrada a tal ponto que nos esquecermos de quais os temas tratados, que seria o encontro de dois chefes de estado com “peculiaridades” que os tornam claramente diferentes do ideal de perfeição almejado por seu povo, e que por isso mesmo lhe dá liberdade de possuírem esquisitices de mais.

O problema é a narrativa em off de Daisy (Laura Linney), interesse amoroso do presidente, que apesar de não estar presente em todos os momentos de sua vida acaba virando a detentora do título de protagonista (sem motivo). Note como o encontro privado dos dois líderes não poderia ter sido mostrado no que se assemelha a memórias de Daisy, nem as conversas íntimas entre o rei e a rainha. No entanto, o filme escolhe ignorar sua própria estrutura, o que compromete toda a experiência.

★★★☆☆ Hyde Park on Hudson. UK, 2012. Direction: Roger Michell. Script: Richard Nelson. Cast: Bill Murray. Laura Linney. Samuel West. Olivia Colman. Elizabeth Marvel. Olivia Williams. Elizabeth Wilson. Martin McDougall. Andrew Havill. Edition: Nicolas Gaster. Cinematography: Lol Crawley. Soundtrack: Jeremy Sams. Runtime: 94. Ratio: 2.35 : 1. Gender: Biography. Category: movies

Share on: Facebook | Twitter | Google